Quer aumentar a cobertura do seu provedor, mas não sabe como? É amigo, você não está sozinho! Primeiro queremos que você saiba que esse é o atual desafio de todas as redes de telecomunicações e segundo, que a Voz e Dados está aqui para te ajudar a resolver esse problema. Em 5 passos simples descubra como aumentar a cobertura do seu provedor com o mínimo de investimento! Acompanhe!

A escala do sucesso

 Aumentar a cobertura do seu provedor envolve passos que abordam, desde a prevenção do gasto excessivo, até a “cura”, que é o equivalente ao que chamamos de taxa de ocupação instantânea.

Em boa parte dos casos os provedores falham em estimar a taxa de ocupação dascaixas devido a um projeto PON mal executado. Isso acontece porque ele não consegue atender o que é necessário para que, posteriormente, a expansão da cobertura esteja focada em novos bairros.

E é daí que nasce o primeiro passo!

Passo 1:  Execute bem o projeto PON

Cada localidade requer estudo prévio de local, poder aquisitivo e muito planejamento.

Um ótimo exemploque podemos daré o projeto balanceado de 1×2 na saída, com 2 CTO’s de 1:16 abrindo para 32 pontos diferentes. Perceba que ao mesmo tempo em quetemos a garantia de mobilidade, ocorre também um melhor espalhamento.

Claro que existem diversos outros tipos de projeto PON, no entanto, essa foi apenas uma sugestão para futuras expansões em bairros. Dependendo das condições de trabalho até um projeto desbalanceado em linha pode ser uma opção viável.

Passo 2: Modele novos projetos com novos conhecimentos

Um erro muito comum dos provedores é querer utilizar o modelo baseado no mapeamentode clientes já existentes em redes novas. E sinceramente, isso nunca funciona bem.

Agora você deve estar pensando, porque eu não li esse artigo antes… Pois é, muita gente pensa:aqui mora minha mãe, meu tio, minha empresa parceira, um cliente que eu gosto, o projeto foi adequado para eles e por isso todos os meus futuros serão assim.

Errado, até demais! Ao pautar o planejamento de um projeto futuro devemos lembrar da importância dos fatores ambientais e econômicos específicos à cada localidade, o que será abordado no próximo tópico!

Passo 3: Adapte-se de acordo com o perfil populacional

Vamos citar aqui alguns dos fatores que devem ser levados em conta ao executar um projeto de extensão de cobertura.

Para cada característica poderíamos escrever um artigo inteiro, mas isso fica para depois.

Anote aí no papel e entenda o que deve ser considerado:

  1. Largura dos terrenos
  2. Tipo de bairro: comercial, residencial ou misto?
  3. Densidade populacional
  4. Tem prédios comerciais?
  5. Tem prédios residenciais altos?
  6. Renda per capita
  7. Idade da população
  8. Tipo de ambiente: rural, urbano ou subúrbio?
  9. Capacidade de pagamento da população local

Anotado? Entendido? Siga para o próximo tópico!

Passo 4: Adapte-se de acordo com o perfil concorrencial

Aqui nós listamos os fatores que devem ser levados em conta ao executar um projeto comercial de extensão de cobertura, assim como os fatores concorrenciais a serem considerados, então anota aí também:

  1. Presença concorrencial de outros provedores
  2. Preços praticados por todos na nova área
  3. Velocidades praticadas pelos concorrentes
  4. Dual Play, Triple Play?
  5. Presença das operadoras Sky, Oi, Net, Vivo
  6. Preços praticados na ponta do cliente

Passo 5: Visita às CTO’s dos concorrentes

Sabia que é possível calcular a taxa de ocupação dos seus concorrentes sem sair de dentro do carro?

Saia para dar uma volta e meça a taxa de ocupação deles, isso vai te dar uma boa base do que fazer, como fazer e quais as melhores abordagens comerciais a serem tomadas.

Fique certo que inda vai ocorrer muita briga entre provedores x provedores e provedores x operadoras. Essa guerra só tende a piorar, por isso esteja bem preparado. A melhor maneira de estar pronto para essas batalhas é através do conhecimento e nisso podemos te ajudar.

Deixe uma resposta